terça-feira, 12 de setembro de 2006

FOTOGRAFARTE PORTUGAL NATURAL

Madredeus - A Cantiga do Campo



Exposição de Fotografia PORTUGAL A CONSERVAR - O Homem e a Natureza
Aveiro, 8 de Setembro a 1 de Outubro


Texto de João Nunes da Silva
Apesar de ser um país relativamento pequeno, Portugal possui um património natural riquíssimo que se distribui por variados habitats. Diversas espécies de fauna e flora ocupam esses habitats, que tanto podem ser as nossas florestas, montanhas ou estuários, entre outros. Nalguns desses habitats, o Homem acaba por ter um papel fundamental para a conservação da Natureza, na manutenção de algumas práticas tradicionais.


A exposição será efectuada no novo espaço nobre da cidade de Aveiro, a Galeria da Capitania (junto ao Forum de Aveiro) e conta desde o início com o apoio da Câmara Municipal de Aveiro e patrocínio da EPSON, LOWEPRO e SIGMA.Através da exposição fotográfica Portugal a Conservar – o Homem e a Natureza que se vai realizar na cidade de Aveiro de 8 de Setembro a 1 de Outubro, o autor irá mostrar alguns dos valores naturais que Portugal ainda conserva de norte a sul.A conservação dos montados (Alentejo), a importância das salinas (Aveiro) e a conservação dos castanheiros (Alvão e Marão) são alguns dos locais, entre muitos outros, onde o Homem desempenha um papel fundamental.



Pequena biografia de João Nunes da Silva


Nasceu em Lisboa. Desde cedo se interessou pelas questões relacionadas com o Ambiente, tendo sido um dos fundadores da Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, da qual foi dirigente e responsável por alguns dos seus projectos. Iniciou a sua actividade fotográfica em meados dos anos 80, dedicando-se sobretudo à fotografia de Natureza, onde mantinha um contacto permanente. No âmbito desta actividade foi galardoado com alguns prémios e, gradualmente, a fotografia de natureza começou a ocupar cada vez mais parte da sua actividade. Em 1991, já como fotógrafo freelancer criou a ILUSTRANATUR – fotografia • design • natureza, uma empresa especializada na divulgação e comercialização de imagens de natureza.


Vale a pena também surpreender os nossos olhos com o sítio da

Comunidade Portuguesa de Fotografia e Imagens da Natureza

Sem comentários: