segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Livros da mudança e pela verdade - Lao Tse

A Ética do Espinosa e de Kant foram influenciadas por leituras do Tao. Aliás é possível estabelecer um percurso de filósofos, doutrinas e religiões que foram influenciadas pelo Tao. Talvez não directamente. Um facto é que a Oriente já haviam filosofia e Teologias celestes (teorias da iluminação) e só muito depois é que surgiram Platões e outros quejandos. É possível e facílimo traçar um rumo a partir de Lao Tse (o Tao), que vai desde Anaximandro (o apéiron), Tales de Mileto (a água) Dionísio Aeropagita (Teologia negativa), S. Tomás de Aquino (Tetragramaton), Nicolau de Cusa, Bento Espinosa (Deus sive natura) até ao imanentismo de Gilles Deleuze (Diferença e Repetição), entre muitos outros. Nem mesmo o Platão ou o Sócrates inventaram nada de novo. Apenas aproveitaram o que veio de outras terras. Que se matem todos por Kant. Na realidade, Kant já nem faz parte das discussões sobre filosofia da ciência sequer e se quiserem saber o que diz o Tao, está lá o "caminho" (o Tao) e o fenómeno, muito antes de Konisberga ter surgido do pozinho das estrelas.

Sem comentários: