terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Moção e manifestações no Chile contra a realização do Rali Dakar Chile-Argentina 2009

Manifestação




Moção

Com a realização do chamado Rali Paris Dakar , desta vez nas áreas de Chile e Argentina, as organizações abaixo declaram:

1 .Hoje, a principal ameaça para a espécie humana é a destruição das condições de vida no planeta e em especial, as alterações climáticas causadas pelas emissões de gases de efeito estufa. Um dos sectores que geram mais emissões são veículos automóveis. Na verdade, muitos estão empregados em trabalho útil. Outros, infelizmente, muitos são simplesmente um luxo consumo, causando sérios danos. Perante este quadro, é um dever moral de primordial importância para as presentes e futuras gerações, mantendo padrões de consumo precisamente aqueles que são desnecessários e causam grande catástrofe universal ameaça para nós. Este tem sido declarado pelos governos da maioria dos países do mundo e líderes espirituais de diferentes tradições.

2 .Não obstante o acima exposto, vemos uma enorme lacuna entre o governo e declarações políticas que estão sendo promovidos. Esta diferença é devido à pressão de interesses económicos desses especuladores formas de produção e consumo mais nocivos. Um exemplo claro disto é o Rally Paris Dakar. Esta é, em essência, é uma grande publicidade que promove a utilização de veículos de exibir sua valentia nesta corrida. Isto cria o seu efeito sobre as mentes das pessoas, sem muita consciência, mas com carteiras volumosas adquirir esses veículos e, em seguida, atormentado com áreas naturais e ruas da cidade.

3 .Conduzir automóveis, motas ou 4x4, são os veículos que consomem maiores quantidades de combustível por passageiro / km / transporte, 40 vezes mais do que os transportes públicos e 20 vezes mais do que um veículo projectado para o ambiente urbano. Eles são também mais peso e volume e, portanto, constituir um risco maior para a segurança. Sem dúvida, eles são muito prejudiciais e brinquedos caros, que também são utilizados indevidamente em áreas onde não há nenhuma justificação para isso. Seu uso deve ser fortemente desencorajado. Mas infelizmente, por causa da irresponsabilidade, futilidade ou falta de valores ambientais de muitos governos, nós continuamos a permitir que grandes promoções, como por exemplo o Rally Paris Dakar.

4 .O Chile é um país muito vulnerável às ameaças da mudança climática. Sete das nove características internacionalmente como indicadores de vulnerabilidade a este fenómeno. Quase como países insulares, o nosso país pode sofrer impactos ingovernável. Como somos um país pequeno, a nossa contribuição para as mudanças climáticas principalmente tem a ver com ser um símbolo da mudança cultural necessária para fazê-lo. Temos o dever de ser um exemplo. Infelizmente, não somos, e do Chile é um dos maiores aumentos nas emissões de gases de efeito estufa tem sido em todo o mundo. Hoje, além disso, a futilidade das nossas autoridades torna o nosso território é dada à cena mundial da promoção de práticas destrutivas.

5 .Não podemos deixar de lamentar a notar também que o papel do governo francês em relação a destruição desta promoção. Os países industrializados têm as maiores responsabilidades históricas têm gerado no efeito estufa. Eles também têm mais recursos e tecnologia para lidar com isso. A liderança do presidente Sarkozy tinha dado sinais de compreensão da magnitude dos desafios que a mudança climática representa para a humanidade. Infelizmente, neste caso também mostra o quão fácil é capim para os interesses da indústria automotora e é o agente condutor do Rali Paris Dakar, já em território latino-americano.

6 .O nosso protesto é também motivada pelos impactos da promoção automotora local. Será uma verdadeira horda motorizadas, compreendendo cerca de 600 veículos na competição, incluindo camiões, e muitos outros tipos de apoio. Onde ir, não vai nunca deixar uma lâmina de grama. Um fenómeno tão maravilhoso como o nosso Spider, que mostra que a vida no areias estéril que muitos podem ser irremediavelmente danificada. O património arqueológico é também ameaçado. Na verdade, o risco directo com as pessoas durante a realização da corrida, como tem ocorrido em territórios Africanos, onde sempre choram mortes.

7 .Face ao exposto expressamos nossa vontade de protestar contra a destruição desta promoção denominada Rally Paris Dakar, quando entra em território chileno. Exortamos os nossos cidadãos conscientes de áreas para reflectir sobre o verdadeiro significado da corrida e também o nosso apelo ao Governo reconsidere e não permitir que nosso território nunca vai ser considerado um simples teste de campo para as indústrias predatória . Os Chilenos, sempre receberam de braços abertos para os visitantes. Amor para mostrar a beleza das nossas paisagens e a riqueza da nossa cultura. No entanto, não é da nossa própria dignidade que nossa natureza é vista como um simples obstáculo óbvio, a ser ultrapassado por máquinas que são precisamente as formas de consumo que a humanidade deve pôr de lado para sobreviver.
Vamos defender a Vida! Para enfrentar frívola irresponsabilidade e os governantes!
Vamos Parar Barbárie motorizado!

[Tradução de João Soares, a partir do blogue
EcoHumanismo]


Sem comentários: