domingo, 21 de julho de 2013

Ainda o Dia Internacional da Amizade

Ontem, 20 de Julho, foi o Dia Internacional da Amizade. Entre as mensagens que fui lendo e recebi, retenho um poema de Manuel De Castro Nunes e um teledisco postado por  António Domingos

Tive amigos, outrora...
muito cultos e poetas.
Todos eles são agora
ou estrelas ou cometas.

 Alan Stivell- Brocéliande

Belíssimos. Como é possível ignorar Alan Stivell e este tema? Caiu-me na "alma" com uma clareza tão profunda! Como se neste momento estivesse a ser baptizado pelo rio Sabor, Tua, Rios e mais Rios....
A vida de amigos e sem amigos não faz sentido! Podem não estar connosco, choramos porque não podemos mais vê-los, abraça-los..mas ao cantar poemas/ músicas como estes celebramos sentidamente esse compromisso. Continuação de bom domingo pleno de cometas! Às vezes os amigos virtuais enchem-nos com chuva de gostos, como chuva de "estrelas".

Sem comentários: