segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Repensar o Automovel - estudo de caso em NYC



Há mais de 100 anos que a política do governo de Nova York deu prioridade às necessidades do automóvel sobre as necessidades de qualquer outro meio de transporte. Trabalhando sob a suposição equivocada de que mais tráfego de carro iria melhorar os negócios, os planeadores e engenheiros urbanos têm contribuído sistematicamente para que as  nossas sejam cada vez mais  mais perigoso e menos habitáveis. Como resultado, até mesmo a idéia de que a rua poderia ser realmente um "lugar" - um espaço compartilhado para a interacção humana e a qualidade de vida - foi quase completamente destruída. Assim, repensou-se a automobilização exagerada nesta cidade e criou-se uma mobilidade multifuncional.
 Ler mais aqui

Sem comentários: