sábado, 19 de julho de 2008

Sessão da Noite- Opus Dei - Uma Cruzada Silenciosa e Pujante em Portugal


Já vi jovens "bem formados" na FNAC e trajados de acordo com as regras da Opus Dei-  fiquei abismado. Pareciam aliens... Eles estão cá. E de certeza com as mesmas características relatadas neste documentário chileno.Refere o documentário que as obras escapam ao fisco, os membros são obrigados ao secretismo. O seu fundador esteve no Chile, antes de subir ao poder Augusto Pinochet. As reuniões com ele eram à porta fechada. A maioria dos altos membros têm em média muitos filhos e são da alta finança.Os pais (também eles professores universitários, advogados, banqueiros) auto-elogiam e crêm que os seus filhos serão os melhores, os mais bem preparados, os eleitos para a santificação do mundo (também eles que um dia serão entre eles chefes de estado e estarão nos parlamentos). Os jovens que vivem nessas residências da OPUS DEI não falam nem conhecem os nomes das auxiliares.E as auxiliares entregam o seu salário à obra...onde já começo a ver isto reproduzido mais ou menos pelo País fora?

P.S.
Em 2005 o sítio portugues ainda tinha uma mini lista dos membros da OPUS Dei em Portugal, mas agora nem isso tem. O que vale é que fui ver aos arquivos e em Portugal são conhecidos como membros supranumerários: Narana Coissoró, João Rebelo, Ramalho Eanes, Manuela Eanes, Assunção Jardim Gonçalves, Smitá Coissoró, Paulo Teixeira Pinto, Afonso Braga da Cruz, e António Lobo Xavier. 
São membros da Prelatura: Bagão Félix e Jardim Gonçalves.

Sem comentários: