terça-feira, 8 de junho de 2010

Dossiê ATTAC- Há mais vida para além do PIB


As razões de um debate necessário iniciado com o Colóquio da ATTAC em 16/01/2010
A ATTAC, com este Colóquio, abriu o debate público em Portugal sobre os indicadores de medição e avaliação do desenvolvimento das sociedades humanas e a necessidade de serem estudados indicadores complementares ou alternativos do PIB, dadas as reconhecidas limitações deste indicador quantitativo. Como os contributos recolhidos nesta iniciativa comprovaram, este não é um debate neutro ou à margem dos interesses em conflito na sociedade.
Os indicadores usados influenciam e justificam as políticas públicas. Esperamos que a nossa iniciativa estimule novas reflexões e estudos e uma participação alargada dos cidadãos e dos movimentos sociais no debate desta temática, que influencia profundamente as escolhas relativas ao nosso futuro colectivo.

Colocamos agora à disposição de todos os interessados um dossier contendo variada documentação sobre este debate, designadamente as intervenções e apresentações de quase todos os economistas participantes no painel do Colóquio: José Maria Castro Caldas, José Francisco Carvalho, Gualter Baptista e Manuela Silva (que publica este mês um artigo na edição portuguesa do Le Monde Diplomatique sobre a temática em questão). No dossier encontra-se também disponível o sumário das conclusões da Comissão Stiglitz que estudou esta temática e os contributos dos economistas L. Dowbor e J. M. Harribey.

Contributos dos Membros do Painel do Colóquio
Manuela Silva (UTL) - Sobre o PIB
José Maria Castro Caldas (CES-UC) - A Riqueza e os outros bens que procuramos
Luis Francisco Carvalho (ISCTE - IUL) - O PIB e os seus limites
Gualter Barbas Baptista (UNL) - Rumo ao Decrescimento
(Apresentação)

Outros Contributos
Comissão Stiglitz - Resumo do Relatório

Sem comentários: