sábado, 25 de abril de 2009

Maria Azenha - O Mar Atinge-nos


O mar envolve-nos, devolve a nossa globalidade, unidade e diversidade.Os poetas cantam tragédia, frescura, enigma, massa líquida, antiguidade, espanto, conquista. Os jornais e a história retratam a imigração, o tráfego humano, a pirataria. E a ciência amplia o conhecimento da matemática das ondas e do povo do mar.


Dedico esta postagem e texto à minha amiga Maria Azenha e à sua obra O Mar Atinge-nos.
Feliz dia 25 de Abril!


Poema e vídeo originalmente publicado no seu blogue, a 15 de Dezembro de 2008

Chuva marítima

cultivo rosas brancas
em varandas a ocidente
daqui avista-se o mar
e o mar é grande

chove.

atravesso um caminho branco
chove.
o mar entrou pelo meu coração
chove.



Sem comentários: