sábado, 17 de janeiro de 2009

Estudo das Nações Unidas demonstra que a agricultura biológica é a melhor maneira de resolver a fome em África


  • ██ The five countries producing more than 95% of commercialized GMO

  • legend pattern orange:Other country producing commercialized GMO.
  • orange dot:Only experimental crops.
  • Mapa mundo da produção de OGM, em 2005 (imagem e mais informações em UrbnGreen)



Um importante relatório publicado no final do ano passado pela United Nations Conference on Trade and Development (UNCTAD) e pela United Nations Environment Programme (UNEP) é conclusivo a afirmar que a produção da agrícola biológica e de pequena escala é a melhor maneira de combater a fome em África. O principal responsável pela UNEP diz ainda que o contributo da agricultura biológica para alimentar o mundo pode ser potencialmente muito maior. Quando práticas agrícolas sustentáveis são implementadas há efectivamente um aumento significativo na produção e os custos também baixam porque deixa de haver despesas com os produtos sintéticos. Estamos também a falar de melhorias no meio ambiente a nível da fertilidade dos solos, gestão da água, controlo de inundações e preservação da biodiversidade. Perante estes factos é irónico que a agricultura biológica seja considerada por muitos como um luxo ocidental [texto retirado do Agitação]


Sem comentários: